Autenticação

Águas para saúde e meio ambiente é tema do Workshop de Metrologia para Qualidade da Água

A Rede Metrológica realizou a primeira edição do MetroÁguas com o tema “Águas para saúde e meio ambiente: gestão, legislação e qualidade”, no formato totalmente online, nos dias 08, 09 e 10 de novembro de 2021.

O evento teve na palestra de abertura a gerente de laboratório da Cetesb Maria Inês Zanoli Sato apresentando sobre o Monitoramento ambiental de SARS-CoV-2 como ferramenta suplementar à vigilância epidemiológica da COVID-19.

No workshop foram apresentados diversos temas como: Procedimentos de Controle e de vigilância da Qualidade da água para consumo humano e seu padrão de potabilidade; Rastreabilidade e Confiabilidade Analítica em Águas; Os Programas de Ensaios de Proficiência como melhoria da qualidade dos laboratórios de saúde e meio ambiente; A importância da Pesquisa na qualidade das águas; Desafios da rastreabilidade em microbiologia; Identificação de contaminantes emergentes, entre outros.

Tiveram presentes os renomados Luiz Sérgio Osorio Valentim, Diretor de Meio Ambiente do Centro de Vigilância Sanitária de São Paulo, como palestrante, e a Izabel Cristina de Ernesto, Gerente da Sabesp e a Nancy de Castro Stoppe, Avaliadora de laboratórios da Cgcre, como debatedoras, no segundo painel onde foi apresentado a Portaria GM/MS Nº 888 / Programa de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano do Estado de São Paulo (Proágua).

Outros conceituados profissionais também participaram do workshop, tais como: Patrícia da Silva Trentin, Gerente da Cetesb; Maria Cristina Antão do Instituto Português de Acreditação; Maria Aparecida Moraes Marciano, Diretora Técnica do Núcleo de Morfologia e Microscopia do Instituto Adolfo Lutz; Fernando Cordeiro Raposo, Investigador do Centro Comum de Investigação da Comissão Europeia; Orlando Antunes Cintra Filho, Diretor Técnico do Proágua ambiental; Ricardo Bettencourt da Silva,  Docente da Universidade de Lisboa em Portugal; Janaina Japiassu de Vasconcelos Cavalcante, Chefe do Laboratório de Microbiologia do Inmetro; entre outros.

Neste evento as universidades Unicamp, Universidade Federal de Campina Grande, UFSCar de Araras e a USP também estiveram presentes por meio dos seus docentes e pesquisadores como Adriana Arisseto Bragotto, Juliano Alves Bonacin e Cassiana Carolina Montagner; Kepler Borges França, Bruna da Silveira Guimarães e Bernardo José Gomes de Matos da Costa e Silva; Elaine Furlan; Felipe Rebello Lourenço.

A Remesp agradeceu a todos, comissão organizadora, apoiadores, patrocinadores, palestrantes, moderados, debatedores e convidados que ajudaram para que este evento acontecesse.

Não podia faltar os agradecimentos aos mais de 100 participantes por fazerem parte do MetroÁguas 2021, com eles este workshop foi possível e de grande aprendizado a comunidade metrológica.

Para o próximo de ano de 2022 a comissão organizadora confirma 2ª edição do MetroÁguas, já que a deste ano foi um sucesso